Análise de Performance de Modelos

Acompanhamento das condições atuais, discussões de modelos e previsão para Brasil e América do Sul. Monitoramento de ENSO, MJO, AAO, entre outras, e ciclones no Atlântico Sul.
Avatar do Utilizador
Rodolfo Alves
Moderador global
Mensagens: 4703
Registado: domingo mai 05, 2013 4:29 pm
Localização: São Paulo/SP (São Mateus)

Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Rodolfo Alves » sábado jun 18, 2016 3:12 pm

TÓPICO CRIADO PARA POSTAGEM DE ANÁLISES DA PERFORMANCE DOS MODELOS DE PREVISÃO

=============================================================================

MODELOS X REALIDADE: ONDA DE FRIO JUN/16 - MÍNIMAS EM SÃO PAULO

Inaugurando o tópico, vou começar com uma análise em relação a performance dos modelos em relação a onda de frio que atingiu o Centro-Sul do Brasil, para a Cidade de São Paulo.

A análise se incidirá sobre o valor das temperaturas mínimas sobre três olhares: A menor do CGE (geralmente registrada em Capela do Socorro ou Parelheiros), a registrada no IAG (Convencional no Jardim Zoológico), e no Mirante de Santana.

O período em questão da análise será entre 10/6 (Sex) e 13/6 (Seg), tendo como base de previsão, a última saída dos modelos antes do período a ser analisado, isto é 12z-09/06, saída que teoricamente teria a melhor confiabilidade.

Os modelos a serem analisados: GFS - ECMWF - CMC - ETA - COSMO/MBAR

A Seguir, vejamos a saída 12z - 09/06 de cada modelo:

GFS:
Imagem

ECMWF (YR):
Imagem

CMC:
Imagem

ETA:
Imagem

COSMO/MBAR:
Imagem


Na tabela abaixo, coloquei para cada dia analisado, a mínima aproximada estimada por cada modelo, juntamente com as mínimas verificadas em 5 estações do CGE (Parelheiros/Capela do Socorro/Riacho Grande/São Mateus/Sé-CGE), IAG, Aero de Congonhas e Mirante (Convencional):

Imagem

Análise Menor Temperatura do CGE:
Na tabela abaixo, confrontei a menor temperatura registrada pelas estações do CGE em cada dia, com o que foi previsto pelos modelos. O intuito aqui era vê, qual modelo se aproximava mais da realidade. Com isso foram somadas todas as diferenças diárias (para mais ou para menos).

Nesta variável, foi verificado que o CMC foi o modelo com melhor performance nos dois primeiros dias, com diferença menor que 1 grau entre o previsto e o registrado, porém, o modelo estimou demais o frio entre o domingo e a segunda, errando entre 3,4 e 5,9ºC as suas previsões. Por conta desta diferença entre o 2º e o 4º dia, o CMC empatou em performance com o GFS no período analisado, tanto na média geral, quanto no acumulado de diferença.

Sendo assim, o ETA (na média) foi o modelo que melhor previu as temperaturas nesta variável, pois teve diferença em torno de 1 grau em 3 dos 4 dias.

Imagem

Análise IAG:
Seguindo as mesmas regras da análise do CGE, o modelo ETA novamente teve a melhor performance ao prever mínimas, levando como base a estação do IAG.

A diferença nos 4 dias, variou entre 0,2 e 2,4ºC pelo modelo do CPTEC, enquanto que pelo CMC foi muito pequena no primeiro dia, mas piorando demais entre o 2º e o 3º dia. GFS e ECMWF na variável IAG tiveram boa performance, e ficaram relativamente próximo ao ETA.

Imagem

Análise Mirante:
Seguindo as mesmas regras, a situação se inverte com o Mirante.

Nesta variável, o modelo que teve melhor acerto foi o ECMWF (via YR), com diferença média de 1,1 grau nos 4 dias em relação ao registrado na estação convencional do INMET. Outro modelo que teve performance parecida com o ECMWF, foi o COSMO/MBAR. Um pouco mais atrás vem GFS e ETA, com o CMC longamente atrás.

Imagem


Em resumo, nesta forte incursão de frio, o ETA foi o modelo que na média, mais se aproximou das mínimas registradas pelo CGE (estações mais frias) e IAG. Enquanto que o Europeu, foi o que mais se aproximou para as mínimas registradas no Mirante de Santana.
Lista de Ciclones Subtropicais/Tropicais - Atlântico Sul
Arani (2011) - Bapo (2015) - Cari (2015) - Deni (2016) - Eçaí (2016) - Guará - Iba - Jaguar - Kamby - Mani

Danilo Mignoli
Altostratus
Mensagens: 275
Registado: sexta ago 02, 2013 2:23 pm
Localização: Suzano-SP

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Danilo Mignoli » sábado jun 18, 2016 9:52 pm

Excelente análise!

Sem dúvidas, o ECMWF é o que mais se aproxima da realidade em suas soluções em relação ao mirante, principalmente em temperaturas mínimas com céu claro, sendo conservador em relação aos outros modelos, com o tempo que eu acompanho os modelos, o Europeu tem bom nível de acerto, tanto em mínimas quanto nas máximas, quando prevê em situação de céu encoberto e ou chuvas, já com tempo ensolarado, ele subestima as temperaturas máximas, não é regra, mas na maioria das vezes isso ocorre, levando em consideração uma previsão entre 48 à 96 hs de antecedência, em média.

Avatar do Utilizador
Joao
Cumulonimbus calvus
Mensagens: 4301
Registado: sexta mar 13, 2009 4:55 pm
Localização: São Paulo e Campos do Jordão/SP

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Joao » sábado jun 18, 2016 10:28 pm

Muito interessante obrigado. Será que algum dos modelos pega o efeito urbanização que existe hoje em sp? Uma surpresa ser o Eta o melhor.
Abs
O NOVO é resultado da iniciativa de cidadãos comuns com um objetivo: oferecer uma alternativa verdadeira de gestão pública para o Brasil. #novo30
Imagem
Imagem

Avatar do Utilizador
Aldo Santos
Cumulonimbus mammatus
Mensagens: 5656
Registado: sábado nov 10, 2012 1:05 pm
Localização: São Paulo-SP

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Aldo Santos » sábado jun 18, 2016 11:39 pm

Imagino que modelos não levam em consideração os efeitos da urbanização.
Mesmo numa megalópole como São Paulo, a área urbanizada é muito pequena se compararmos com a superfície do estado, por exemplo.

Neste caso, acho que o ETA foi o melhor modelo, pois chegou mais próximo das temperaturas com pouca ou sem influência da urbanização.

Se é verdade que modelos não levam em consideração a urbanização, então o ECMWF errou ao chegar mais próximo das temperaturas do Mirante.

Estou certo ou errado? :russian:

ricardosilva
Altocumulus castellanus
Mensagens: 602
Registado: domingo mai 27, 2012 12:07 pm
Localização: São Paulo SP

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor ricardosilva » domingo jun 19, 2016 12:05 am

Excelente análise Rodolfo.

Percebe-se claramente a dificuldade em prever o clima Paulistano, pois nenhum dos modelos contava que no Domingo a brisa marítima fosse elevar as mínimas em relação as projeções dos mesmos.

Avatar do Utilizador
Daniel85
Cumulonimbus mammatus
Mensagens: 5059
Registado: domingo mai 05, 2013 1:07 am
Localização: Tatuapé - Zona leste - São Paulo - SP

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Daniel85 » domingo jun 19, 2016 12:26 am

Realmente uma excelente comparação. Meus parabéns Rodolfo!

coutinho
Moderador global
Mensagens: 16506
Registado: sexta mar 13, 2009 2:36 pm
Localização: São Joaquim SC

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor coutinho » domingo jun 19, 2016 1:47 am

Joao Escreveu:Muito interessante obrigado. Será que algum dos modelos pega o efeito urbanização que existe hoje em sp? Uma surpresa ser o Eta o melhor.
Abs


QUEM PEGA É O PREVISOR!

HenriqueBH
Pyrocumulus
Mensagens: 2163
Registado: domingo abr 15, 2012 4:27 pm

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor HenriqueBH » domingo jun 19, 2016 9:41 am

YR (Europeu) muito bom para Belo Horizonte em relação a mínimas.Foreca e ja prévia máxima baixa antes de todos.Foreca tb.GFS hiperestimou as mínimas e CMC foi bom pra leste de Minas e ruim pra capital e região metropolitana.Em resumo, ode ao Europeu.


Atenção, não teve nada a ver com urbanização, já que na região metropolitana os modelos tb erraram aki.

O europeu e ETA foram os únicos que previram que não ia esfriar para ser algo histórico e sim algo normal.

obviamente o GFS da mínimas mais baixas que o normal para cá, então toda vez que prever algo assim, cautela.Europeu muito bom para próximas ondas.

Avatar do Utilizador
Rodolfo Alves
Moderador global
Mensagens: 4703
Registado: domingo mai 05, 2013 4:29 pm
Localização: São Paulo/SP (São Mateus)

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Rodolfo Alves » domingo jun 19, 2016 2:41 pm

Aldo Santos Escreveu:Imagino que modelos não levam em consideração os efeitos da urbanização.
Mesmo numa megalópole como São Paulo, a área urbanizada é muito pequena se compararmos com a superfície do estado, por exemplo.

Neste caso, acho que o ETA foi o melhor modelo, pois chegou mais próximo das temperaturas com pouca ou sem influência da urbanização.

Se é verdade que modelos não levam em consideração a urbanização, então o ECMWF errou ao chegar mais próximo das temperaturas do Mirante.

Estou certo ou errado? :russian:



Na verdade, quanto melhor a resolução dos modelos, melhor é a capacidade dele de prever temperatura em determinados pontos.

O ETA por exemplo tem uma resolução de 15km, enquanto o GFS 25km e o CMC 24km. Logo o modelo brasileiro tem melhor capacidade de pegar nuances de temperatura dentro de uma cidade, do que em relação aos globais. Porém o olhar humano (Meteorologista/previsor) ainda conta muito.

O intuito da análise, é mostrar o quanto é complexo usar modelos para prever mínimas numa cidade com tantos microclimas, como São Paulo.

Tirando o fator resolução, o ETA apresentou uma estabilidade muito maior que qualquer outro modelo, sem sobressaltos de temperatura (para cima ou para baixo), sendo assim o modelo que mais chegou perto do que foi registrado nas estações do CGE. O CMC foi muito bem nos 2 primeiros dias, porém nos 2 últimos estimou demais o frio. Confesso que fiquei surpreso com a performance do ETA.

Pela análise, neste exemplo especificamente, deu para vê também, que CMC e ETA são os modelos mais indicados para previsão de mínimas no extremo sul da cidade (Parelheiros-Capela), enquanto que GFS e ECMWF indicaram melhor as mínimas na mancha urbana (Mirante).
Lista de Ciclones Subtropicais/Tropicais - Atlântico Sul
Arani (2011) - Bapo (2015) - Cari (2015) - Deni (2016) - Eçaí (2016) - Guará - Iba - Jaguar - Kamby - Mani

Allef Caetano
Adm. Grupo do WhatsApp
Mensagens: 606
Registado: quarta fev 03, 2010 7:26 pm
Localização: Pelotas RS
Contacto:

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Allef Caetano » domingo jun 19, 2016 2:56 pm

Pro sul do RS o CMC foi o que mais se aproximou nessa mp que estão se referindo e na de agora. o Europeu (foreca) tem se aproximado legal, apesar de ser conservador. GFS anda bem fora da casinha, sendo que na verdade costuma pegar relativamente bem. Para terem uma idéia no dia 13 fez 0,9ºC enquanto CMC dava 0ºC, Foreca 2ºC e GFS 3,7ºC. Para hoje CMC dava 1ºC, Foreca 3ºC e GFS 6,2ºC e quanto fez? 0,4ºC no campus e 1,7ºC na zona norte. Toda cidade ficou abaixo de 3ºC.

marinhonani
Cumulonimbus calvus
Mensagens: 3002
Registado: terça ago 06, 2013 9:44 pm

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor marinhonani » domingo jun 19, 2016 2:59 pm

Nem o CMC de 00Z 19/06 conseguiu prever a mínima de hoje em Soledade/Farroupilha com -4,1 :onthequiet: e também a de Santa Rosa com -3,3 baixada do bairro planalto.

O CMC previa para Soledade e arredores de 0ºC a -2,0ºC.

Avatar do Utilizador
LuluBros
Altocumulus undulatus
Mensagens: 1028
Registado: segunda jan 27, 2014 9:40 am
Localização: Guaianose, São Paulo

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor LuluBros » segunda jun 20, 2016 11:33 am

Nesse onda de frio utilizei 4 modelos: Eta do Cptec, e Eta/CMC/GFS do WX.
Notei que para a área urbana, os que se saíram melhor foram os 2 Etas e o GFS.
CMC superestimou as mínimas, já que as mínimas previstas por ele poderiam até ser plausíveis pros cafundós, mas nada a ver com o que ocorre na área urbana.

Avatar do Utilizador
Flavio Feltrim
Altocumulus castellanus
Mensagens: 534
Registado: terça mai 14, 2013 7:12 pm
Localização: Curitiba

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Flavio Feltrim » quarta jun 22, 2016 11:06 am

Quero dar os parabéns pela criação deste tópico! Aproveito para dar algumas sugestões: essa diferença toda detectada nos modelos em relação aos dados de superfície são devido aos microclimas que já foram citados, portanto seria interessante também fazer o comparativo das previsões para 850 hPa e a partir desses resultados, subtrairmos a diferença para identificar com mais facilidade o peso desses microclimas.

Existem inúmeros estudos sobre a interferência da camada urbana, onde podemos citar as contribuições de Oke (Canadá) e Monteiro (Brasil):


Imagem

Os microclimas acontecem na camada urban canopy layer enquanto a urban boundary layer é mais susceptível a interferência dos sistemas atmosféricos, ou seja, na escala em que os modelos trabalham!
Laboratório de Climatologia
Laboclima - UFPR
www.laboclima.ufpr.br

Avatar do Utilizador
Rodolfo Alves
Moderador global
Mensagens: 4703
Registado: domingo mai 05, 2013 4:29 pm
Localização: São Paulo/SP (São Mateus)

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Rodolfo Alves » domingo jul 31, 2016 12:26 pm

CFS MENSAL X REALIDADE 2016

Comparação do que foi previsto pelo CFS 30 Dias e o que foi registrado na América do Sul, entre os meses de Janeiro e Junho de 2016:


Temperatura Média Anomalia:

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem


Precipitação Anomalia:


Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

(e continua...)
Lista de Ciclones Subtropicais/Tropicais - Atlântico Sul
Arani (2011) - Bapo (2015) - Cari (2015) - Deni (2016) - Eçaí (2016) - Guará - Iba - Jaguar - Kamby - Mani

Felipe Backendorf
Cumulus congestus
Mensagens: 1679
Registado: segunda nov 30, 2015 11:17 pm
Localização: Blumenau-SC

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Felipe Backendorf » domingo jul 31, 2016 1:03 pm

Muito bom, Rodolfo. belo trabalho :clapping:

Eu não vi esse anomalia negativa em janeiro, mas ok, algumas dessas 'estimativas da realidade' erram um pouco
Bairro Progresso: http://www.wunderground.com/personal-we ... =IBLUMENA5

Média 365 dias: 20,9 (16,7/27,1)

Extremos 2017:
Máxima: 38,0 (09/01)
Mínima: 2,2 (19/07)
Máxima mais baixa: 16,4 (20/06)
Mínima mais alta: 24,6 (16/02)
AlertaBlu: 4,2/38,7

Extremos 2016:
Máxima: 40,9 (27/12)
Mínima: 0,5 (13/06)
AlertaBlu: 3,3/41,3

Avatar do Utilizador
Flavio Feltrim
Altocumulus castellanus
Mensagens: 534
Registado: terça mai 14, 2013 7:12 pm
Localização: Curitiba

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Flavio Feltrim » domingo jul 31, 2016 1:17 pm

A julgar por essas imagens, o CFS foi ótimo com as temperaturas (tirando um equívoco na Argentina em abril). Para a chuva, foi melhorando ao longo do ano mas ainda sim não foi ruim! Parabéns pelo levantamento Rodolfo!
Laboratório de Climatologia
Laboclima - UFPR
www.laboclima.ufpr.br

Avatar do Utilizador
Rodolfo Alves
Moderador global
Mensagens: 4703
Registado: domingo mai 05, 2013 4:29 pm
Localização: São Paulo/SP (São Mateus)

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Rodolfo Alves » domingo jul 31, 2016 2:06 pm

Felipe Backendorf Escreveu:Eu não vi esse anomalia negativa em janeiro, mas ok, algumas dessas 'estimativas da realidade' erram um pouco


Boa observação. De fato não houve essa anomalia negativa, conforme apurado nas estações do INMET.

Essa "Realidade" estimada pelo próprio CFS, de fato, é sujeita a erros pontuais. De qualquer forma, o que se vê até o momento, é que o CFS vem se saindo muito bem, no geral este ano!

Imagem
Lista de Ciclones Subtropicais/Tropicais - Atlântico Sul
Arani (2011) - Bapo (2015) - Cari (2015) - Deni (2016) - Eçaí (2016) - Guará - Iba - Jaguar - Kamby - Mani

coutinho
Moderador global
Mensagens: 16506
Registado: sexta mar 13, 2009 2:36 pm
Localização: São Joaquim SC

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor coutinho » domingo jul 31, 2016 3:32 pm

MUITO BOM. UM DOS PROBLEMAS PARA COMPARAR É A FALTA DE ESTAÇÕES, TEMOS MUITOS VAZIOS AINDA. MAS NO GERAL NA TEMPERATURA FOI BOM.

Avatar do Utilizador
Rodolfo Alves
Moderador global
Mensagens: 4703
Registado: domingo mai 05, 2013 4:29 pm
Localização: São Paulo/SP (São Mateus)

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Rodolfo Alves » domingo ago 07, 2016 6:47 pm

CFS JULHO 2016: PREVISÃO X REALIDADE


**ANOMALIA DE TEMPERATURAS (CFS-WEATHER BELL)**

Imagem

**ANOMALIA DE TEMPERATURAS (ESTAÇÕES INMET)**

Imagem

**ANOMALIA DE CHUVAS (CPTEC-INPE)**


Imagem
Lista de Ciclones Subtropicais/Tropicais - Atlântico Sul
Arani (2011) - Bapo (2015) - Cari (2015) - Deni (2016) - Eçaí (2016) - Guará - Iba - Jaguar - Kamby - Mani

Avatar do Utilizador
William Siqueira
Moderador global
Mensagens: 11064
Registado: quinta abr 25, 2013 8:39 pm
Localização: Maria da Fé MG

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor William Siqueira » domingo ago 07, 2016 6:51 pm

Podemos concluir que o CFS em Julho foi horrivel na previsão !
ImagemImagemImagem
ImagemImagem

Avatar do Utilizador
Rodolfo Alves
Moderador global
Mensagens: 4703
Registado: domingo mai 05, 2013 4:29 pm
Localização: São Paulo/SP (São Mateus)

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Rodolfo Alves » domingo ago 07, 2016 7:44 pm

William Siqueira Escreveu:Podemos concluir que o CFS em Julho foi horrivel na previsão !


No Geral foi ruim!

Para o Sul do país foi horrível mesmo no quesito temperaturas. Para o Sudeste foi regular.

Eu diria que o foi o pior desempenho do modelo esse ano (Isso se agosto não for a grande decepção do ano, como parece se caminhar).
Lista de Ciclones Subtropicais/Tropicais - Atlântico Sul
Arani (2011) - Bapo (2015) - Cari (2015) - Deni (2016) - Eçaí (2016) - Guará - Iba - Jaguar - Kamby - Mani

Avatar do Utilizador
Rodolfo Alves
Moderador global
Mensagens: 4703
Registado: domingo mai 05, 2013 4:29 pm
Localização: São Paulo/SP (São Mateus)

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Rodolfo Alves » quarta ago 31, 2016 11:28 pm

CFS PREVISÃO X REALIDADE - AGOSTO 2016

Imagem
Lista de Ciclones Subtropicais/Tropicais - Atlântico Sul
Arani (2011) - Bapo (2015) - Cari (2015) - Deni (2016) - Eçaí (2016) - Guará - Iba - Jaguar - Kamby - Mani

Avatar do Utilizador
Renan
Cumulonimbus incus
Mensagens: 13785
Registado: sexta mar 13, 2009 8:23 pm
Localização: Juiz de Fora MG

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Renan » quinta set 01, 2016 8:53 am

Não achei ruim a assertividade do CFS para Agosto não ! Me parece que houve erro na Argentina, onde as anomalias negativas foram maiores que o previsto. Aqui para o Sudeste eu achei muito boa a previsão, pois realmente ficou com temperaturas na média / um pouco abaixo da média no estado de SP, na média / um pouco acima no ES, RJ, sul de Minas e zona da mata, e acima da média no restante de MG.

Para o Brasil central, o CFS também teve um grande acerto em Agosto. E para o Nordeste também houve incrível precisão em colocar temperaturas abaixo da média apenas no estado do Maranhão, com o restante da região acima.
2017: Me surpreenda positivamente !

ESTAÇÃO BANDEIRANTES (JUIZ DE FORA, MG):

http://www.wunderground.com/weatherstat ... IMINASGE11

Imagem

Avatar do Utilizador
William Siqueira
Moderador global
Mensagens: 11064
Registado: quinta abr 25, 2013 8:39 pm
Localização: Maria da Fé MG

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor William Siqueira » quinta set 01, 2016 9:32 am

Tambem achei uns 80% que ele foi bem !
ImagemImagemImagem
ImagemImagem

Avatar do Utilizador
Rodolfo Alves
Moderador global
Mensagens: 4703
Registado: domingo mai 05, 2013 4:29 pm
Localização: São Paulo/SP (São Mateus)

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Rodolfo Alves » sábado set 10, 2016 12:34 pm

EVOLUÇÃO DO CFS PARA O INVERNO 2016 X REGISTRADO

1) ANOMALIAS REGISTRADAS NO TRIMESTRE JJA 2016, CONFORME ESTAÇÕES DO INMET:

Imagem


2) EVOLUÇÃO DA PREVISÃO DO CFS PARA O TRIMESTRE JJA ENTRE JANEIRO E JUNHO (MÉDIA DOS PRIMEIROS 10 DIAS DE CADA MÊS)


Imagem
Lista de Ciclones Subtropicais/Tropicais - Atlântico Sul
Arani (2011) - Bapo (2015) - Cari (2015) - Deni (2016) - Eçaí (2016) - Guará - Iba - Jaguar - Kamby - Mani

Avatar do Utilizador
Rodolfo Alves
Moderador global
Mensagens: 4703
Registado: domingo mai 05, 2013 4:29 pm
Localização: São Paulo/SP (São Mateus)

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Rodolfo Alves » quarta out 12, 2016 11:13 am

CFS X REALIDADE - SETEMBRO 2016

CFS X VERIFICADO (WEATHER BELL) - MÉDIA COMPENSADA

Imagem

CFS X ESTAÇÕES INMET - MÉDIA COMPENSADA

Imagem

CFS - ANOMALIA PRECIPITAÇÃO


(Errou feio!!!)

Imagem
Lista de Ciclones Subtropicais/Tropicais - Atlântico Sul
Arani (2011) - Bapo (2015) - Cari (2015) - Deni (2016) - Eçaí (2016) - Guará - Iba - Jaguar - Kamby - Mani

Avatar do Utilizador
Daniel85
Cumulonimbus mammatus
Mensagens: 5059
Registado: domingo mai 05, 2013 1:07 am
Localização: Tatuapé - Zona leste - São Paulo - SP

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Daniel85 » quarta out 12, 2016 11:42 am

Em relação as temperaturas, o CFS acertou as anomalias (comparando com a reanalise do weather bell).
Quanto as chuvas, realmente errou feio. Outubro está indo para o mesmo caminho.

Avatar do Utilizador
Rodolfo Alves
Moderador global
Mensagens: 4703
Registado: domingo mai 05, 2013 4:29 pm
Localização: São Paulo/SP (São Mateus)

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Rodolfo Alves » quarta jan 25, 2017 11:57 am

ANÁLISE GFS X ECMWF: EVENTO DE ZCAS - JANEIRO DE 2017

Recentemente, um significativo corredor de umidade, classificado de ZCAS, se formou sobre o Sudeste do Brasil, provocando fortes chuvas especialmente sobre o Estado de São Paulo, o que ocasionou transbordamento de córregos pela capital e interior, deixando cidades como Francisco Morato embaixo de lama, deslizamentos de terra, e mortes. Na capital, ao menos 2 mortes.

Paralelamente a isso, tivemos uma situação bastante inusitada, que foi a divergência nas previsões entre os dois principais modelos de previsão, o GFS e o ECMWF, em relação ao posicionamento do canal. Divergência que persistiu inclusive durante o evento, o que é raro de se ocorrer em modelos. Divergência essa, que irei analisar agora, e que fez toda a diferença na previsão do evento.

PREVISÃO GFS X ECMWF:

Pegando por base, as previsões do dia 15 de Janeiro (A 3 dias do início do corredor, como veremos mais para frente na análise), a estimativa de chuva acumulada pelos modelos era a seguinte (projeções em polegadas):

ECMWF:
Imagem

GFS:
Imagem


Conforme se pode observar, o modelo Europeu, previu os maiores volumes de chuva (aonde o canal ficaria mais concentrado) sobre o Estado de São Paulo. Pela solução do modelo Europeu, no geral os acumulados variam entre 7-13 polegadas num período de 10 dias (175-325mm).

Já o modelo GFS centra os maiores acumulados (aonde ficaria o canal) sobre o sul de MG, Zona da Mata Mineira, e o estado do Rio de Janeiro. Nessas regiões os acumulados iram variar entre 10-15 polegadas numa média (250-375mm). Embora o canal ficasse mais centrado sobre essas regiões, o GFS chegou a prever acumulados excessivos acima de 10 polegadas (250mm) sobre o interior de São Paulo.

O VERIFICADO:

Para confrontar os valores previstos, irei usar o mapa com o acumulado de chuva dos ultimos 7 dias das estações automáticas do INMET. O Intuito da análise não é verificar se o modelo acertou o volume exato de chuva, até porque isso é quase impossível de calcular com exatidão, e sim, qual mais se aproximou do que realmente foi visto. Qual modelo conseguiu chegar mais perto do que ocorreu.

Segue o mapa abaixo:
Imagem

Conforme pode-se observar no mapa, de fato, como previsto pelo Europeu e de certa forma pelo GFS, os maiores volumes de chuva se concentram exatamente sobre o Estado de São Paulo, enquanto que sobre o sul de MG, Zona da Mata Mineira, e o RJ, os acumulados foram muito abaixo do que se previa pelo GFS, com indices expressivos de forma muito isolada e pontual, como os 86mm em Xerem. Mesmo em áreas mais ao centro de MG, como em BH, praticamente nada de chuva foi registrado. Em São Paulo, o maior acumulado do interior, foi na região de Bauru, com 218mm, justamente a região aonde o Europeu indicava o maior acumulado.

O VERIFICADO EM SÃO PAULO:

Na cidade de São Paulo, entre o dia 16 e 24 de Janeiro, choveu 276,0mm na Convencional do Mirante. Vale salientar, que por aqui, as chuvas fortes tiveram início antes mesmo da formação da ZCAS, sendo que 115,0mm cairam somente dia 16 (o que não foi previsto por nenhum modelo).

Com base nos mapas acima, o GFS previu 3 polegadas (75mm) e o Europeu 7-8 polegadas (175 a 200mm) para o mesmo período.

Porém na previsão do dia seguinte, postada por mim no BAZ, ou seja no dia do evento, o Europeu aumentou a estimativa para 10 polegadas (250mm), enquanto o GFS, manteve a 3 polegadas (75mm).

Em ambos as corridas, novamente o Europeu foi quem mais se aproximou!
Imagem
Imagem

PREVISÃO DAS ZCAS:

Como já salientado, os modelos divergiam em relação a evolução do canal de umidade.

O Europeu indicava o canal estacionado sobre São Paulo, enquanto o GFS indicava um deslocamento para o RJ, conforme as animações abaixo, entre os dias 17 e 22 de Janeiro:

GFS:
Imagem

ECMWF:
Imagem


Vale salientar, que o modelo ECMWF foi o que mais se aproximou de indicar ZCAS, pois mostrava um canal de umidade acoplado a uma AB e a um VCAN sobre o Nordeste, enquanto o GFS mostrava uma circulação de Vórtice fraca sobre o litoral do Nordeste.

Imagem
Imagem

VERIFICADO:

Conforme verificado pela carta sinótica oficial do INPE-CPTEC, a ZCAS praticamente não se moveu de São Paulo, com variação entre a Capital Paulista e o Vale do Paraíba tendo início no dia 18 (a partir do dia 20 como ZCAS), e persistindo até o dia 23. Em nenhum momento, ela avançou para o RJ, como previa o GFS.

Novamente o Europeu foi quem melhor previu a formação e evolução da ZCAS sobre SP somente!

Imagem

RESUMO:

Pelo o que foi mostrado, é inegável que o modelo Europeu conseguiu prever com melhor exatidão, a formação da ZCAS, a evolução dela sobre o Estado de São Paulo somente, e aos volumes de chuva de forma aproximada. O GFS não conseguiu mostrar a evolução do corredor em uma ZCAS clássica, e tão menos conseguiu prever que o sistema ficaria sobre São Paulo, com isso indicou volumes de chuva muitíssimo acima do que realmente foi registrado sobre áreas do sul de MG, Zona da Mata Mineira e RJ.

Ponto para o ECMWF, que mais uma vez, se saiu melhor que o GFS neste importante evento de ZCAS.
Lista de Ciclones Subtropicais/Tropicais - Atlântico Sul
Arani (2011) - Bapo (2015) - Cari (2015) - Deni (2016) - Eçaí (2016) - Guará - Iba - Jaguar - Kamby - Mani

Avatar do Utilizador
Renan
Cumulonimbus incus
Mensagens: 13785
Registado: sexta mar 13, 2009 8:23 pm
Localização: Juiz de Fora MG

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Renan » quinta jan 26, 2017 8:38 am

Boa, Rodolfo ! Obrigado pela análise !

Esse evento a supremacia foi total do ECMWF, como aliás é relativamente comum de acontecer.

Mas mesmo o ECMWF indicava algum acumulado de chuva sobre o centro de MG e zona da mata, o que não aconteceu. Não choveu NADA em minha região, infelizmente! Abraços!
2017: Me surpreenda positivamente !

ESTAÇÃO BANDEIRANTES (JUIZ DE FORA, MG):

http://www.wunderground.com/weatherstat ... IMINASGE11

Imagem

Avatar do Utilizador
Rodolfo Alves
Moderador global
Mensagens: 4703
Registado: domingo mai 05, 2013 4:29 pm
Localização: São Paulo/SP (São Mateus)

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Rodolfo Alves » sexta abr 28, 2017 1:01 pm

MODELO CMC X REALIDADE - MP DE 28 DE ABRIL

(PREVISÃO DO DIA 23 DE ABRIL)

NO GERAL, ÓTIMA PERFORMANCE DO MODELO!!

Imagem
Lista de Ciclones Subtropicais/Tropicais - Atlântico Sul
Arani (2011) - Bapo (2015) - Cari (2015) - Deni (2016) - Eçaí (2016) - Guará - Iba - Jaguar - Kamby - Mani

coutinho
Moderador global
Mensagens: 16506
Registado: sexta mar 13, 2009 2:36 pm
Localização: São Joaquim SC

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor coutinho » sexta abr 28, 2017 1:23 pm

SABENDO "LER", EM DETERMINADAS SITUAÇÕES É O MELHOR.

Avatar do Utilizador
Fernando Keiser
Adm. Grupo do WhatsApp
Mensagens: 1000
Registado: terça mai 27, 2014 10:43 pm
Localização: Blumenau-SC

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Fernando Keiser » sexta abr 28, 2017 1:43 pm

Rodolfo Alves Escreveu:MODELO CMC X REALIDADE - MP DE 28 DE ABRIL

(PREVISÃO DO DIA 23 DE ABRIL)

NO GERAL, ÓTIMA PERFORMANCE DO MODELO!!

Imagem


Acho excelente estes comparativos... E o CMC costuma acertar as mínimas nas baixadas de SC quando tem MP.

Avatar do Utilizador
Mafili
Cumulonimbus incus
Mensagens: 8653
Registado: segunda mar 30, 2009 12:34 pm
Localização: Ibiúna SP

Re: Análise de Performance de Modelos

Mensagempor Mafili » sexta abr 28, 2017 4:41 pm

Sabe salientar que o GFS emite sua "anomalia" de qualquer coisa com a sua "normal" de qualquer coisa.
Excelente iniciativa.
Prediction is very difficult, especially if it’s about the future...Niels Bohr
“There’s nothing so absurd that if you repeat it often enough, people will believe it.” – William James


Voltar para “Monitoramento e Previsão - Brasil/América do Sul”

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Douglas Lindner, Gersonbb, LeoP, Marcos, ph garisto98+ e 56 visitantes